6 de jul de 2015

A evolução de Resident Evil é uma coisa ruim?

Esse post se trata de uma conversa gamer. Estou falando daquele assunto polêmico que é o mais falado entre os fãs de Resident Evil: suas mudanças.



Em todos os blogs, fóruns, e até mesmo nas conversas entre amigos eu sempre escuto ou leio: "Pra mim parou no 3" , " Pra mim ficou melhor a partir do 4" , "desde quando zumbis falam, sabe atirar e dirigir? RE ta ficando uma bosta!"

Oque era terror, se torno ação. 



Isso é oque todos comentam, o que era era terror, se tornou ação e claro, disso eu não posso discordar. Quando o primeiro jogo de Resident Evil foi lançado para o PayStation 1 em 1997 foi um sucesso estrondoso, vendendo mais de 33 milhões de copias. O sucesso foi tanto que fizeram remakes, inclusive para outras plataformas. O primeiro remake lançado para GameCube em 2002, Nintendo Wii (2009, sob o título Resident Evil Archives: Resident Evil) e Nintendo DS (2005, sob o título Resident Evil: Deadly Silence) e em 2015 para Xbox One, Xbox 360, PS4 e PS3. O Segundo veio depois e o sucesso foi certo, logo depois veio o Resident Evil 3: Nemesis que o próprio é adorado por muitos até os dias de hoje. 

Ai chegou o aclamado Resident Evil 4, onde deixou o terror, a tensão, e até mesmo os zumbis de lado e focou mais na ação. 


A primeira impressão que o jogador teve a jogar Resident Evil 4 foi: " Porque os zumbies estão falando?" então, descobrimos que são ganados, criaturas sedentas por sangue assim como zumbie, mas diferentes. Eles são controlados pela "La Plaga" um parasita muito antigo, fossilizado abaixo do castelo de propriedade da família Salazar, localizado em uma região rural da Espanha. A seita Los Illuminados possuía fortes raízes no local e tinha Las Plagas como objetos de adoração, obtendo seus poderes e formas de dominação.  A sua habilidade é manipular os padrões de comportamento de seus hospedeiros e são “organismos sociáveis”: não vivem individualmente, mas sim em harmonia social perfeita. Acredita-se que eles possuem inteligência coletiva, comportamento raramente visto em organismos parasitários. Las Plagas têm, ainda, capacidades excepcionais de adaptação. São capazes de viver em muitos organismos e estabelecer simbiose. Esta habilidade, combinada com seu comportamento social, permite que promovam interação entre hospedeiros infectados, independente de que espécie sejam. E ela faz com que os hospedeiros fiquem violentos e sanguinários. Por isso não existem "Zumbies" em Resident Evil 4.

No Resident Evil 5 é a mesma coisa que são usadas nos inimigos, porém mais evoluída, e os inimigos tem outro nome: "Majinis" 



Porque Resident Evil se tornou ação?



Segundo o próprio criador da franquia, Shinji Mikami, o motivo de ter levado o jogo à esse caminho foi apenas o fracasso de vendas do Resident Evil: Remake, lançado para o GameCube.  Ele fez a seguinte declaração em uma entrevista à IGN:

"Uma coisa que eu venho observando ... Eu estive olhando o gênero Survival Horror por um longo tempo. Eu não acho que é especificamente porque os desenvolvedores querem apelar a um público mais vasto. Eu acho que eles só querem fazer seus jogos mais divertido, e se eles estão chegando mais e mais nessa direção, eles vão naturalmente para ir em direção a mais ação"

Isso pode levar Resident Evil ao fracasso?



Resident Evil é uma franquia incrível, que mesmo depois de tanta mudanças gênero pra gênero, a historia continua a mesma, e nela há uma desculpa muito bem feita pela a mudança, isso você pode ver no próprio game Resident Evil 4.

Resident Evil é uma franquia onde tem personagens e vilões carismáticos, cenas épicas, uma ótima trilha sonora, jogabilidade boa, ou seja, Resident Evil é uma ótima franquia mesmo depois de tantas mudanças. Então, na minha opinião, Resident Evil é uma franquia dificil de fracassar, se caso acontecer, irá demorar, e muito.

 E porque não irá fracassar? Pense bem, Resident Evil é adorado por muitos, e muitos daqueles que abandonaram a franquia, entraram novos fãs no lugar. É difícil pensar que existem pessoas que preferem Resident Evil atualmente? eu sou uma delas, comecei a ser fã de Resident Evil a partir do 4, assim como muitos. O sucesso do RE 4 foi tão grande que acabou trazendo um novo publico para a franquia, sem falar aqueles fãs de longa-data que mesmo depois de tanta mudança continua a ser fã da franquia.


VOLTANDO AO PASSADO. 
Resident Evil: revelations, um game feito na intenção de agradar ao fãs mais puristas que a cada novo jogo, criticam ferrenhamente a franquia por ter deixado o terror para trás e se tornado ação. Titulo que chegou ao Nintendo 3DS com a promessa de trazer de volta o terror, tensão, sustos, ambientes claustrofobicos, puzzles, e sim, isso tudo está presente no jogo, mas a Capcom não arriscou em transformar o game em Survival Horror pelo simples  por essência para um console portátil, de menor repercussão, para que se o título fosse um fracasso, ficasse relegado a um segundo plano por não se tratar de um console de mesa.


















A experiencia foi boa, e foi muito bem recebido pelos os fãs. Quem teve a oportunidade de jogar, vai se sentir de volta no mundo dos jogos clássicos de Resident Evil. Realmente o jogo trás alguns sustos, terror, lugares claustrofóbicos  e puzzle. A unica diferença que vemos nesse jogo é a câmera em 3ª pessoa, com a câmera sobre o ombro do personagem, assim lembrando a velha mecânica de Resident Evil 4, 5 e o 6.


A Capcom cometeu um erro?




Você já chegou a perguntar se a grande Capcom cometeu um erro em mudar o estilo de Resident Evil por completo? No meu ponto de vista, a Capcom não cometeu um erro, e sim uma falha naquilo que já estava dando certo. O que quero dizer com isso? Em Resident Evil 4, o jogo foi mudado completamente assim como falei nesse post e na minha analise e mesmo assim, o jogo foi muito bem recebido e foi adorado. Então chegou o Resident Evil 5, o qual também foi um dos mais adorado e também um dos mais odiado. Foi a partir do RE 5 que todos começaram a criticar pra valer a saga. Então oque a Capcom fez para isso acontecer? Apesar de ter se saído muito bem em aspectos técnicos e de seu enredo ser bastante trabalhado e coerente, não se viu nele a mesma carga criativa e inovadora vista em RE4, isso por um simples motivo: RE5 nasceu sob forte influência dos jogos que foram influenciados por RE4.

Uma de suas grandes influencias foi o Gears of War,  Gears of War, franquia que já nasceu sob forte influência de RE4 e que acabou evoluindo e andando com suas próprias pernas, apresentando inclusive elementos de gameplay e jogabilidades elogiadíssimos e amplamente aceitos pelos críticos e gamers. Dessa forma, Gears of War tornou-se influenciador de sua influência. Assim nascendo Resident Evil 5. 




as novidades de Resident Evil 5 vieram não apenas com os gráficos em alta definição. Pela primeira vez na série, tínhamos um modo cooperativo e a aventura principal podia ser compartilhada por dois jogadores simultaneamente. Esse elemento é uma constante em Gears of War, que sempre coloca os jogadores em dupla contra a horda dos Locust. Também podemos ver o sistema de cover e o controle sobre o personagem de forma geral.

Seria uma coisa ruim?




Como eu disse, Resident Evil é uma saga consagrada e adorada por muitos gamers até hoje. Na minha opinião, as mudanças de Resident Evil não é uma coisa ruim e sim uma inovação, se você olhar para um lado, Resident Evil deixou de ser aquele jogo monótomo com cenários repetitivos e passou a ser um jogo frenético e empolgante. Claro, o jogo não precisa ser tão frenético a ponto de ter explosões, casas caindo, helicóptero caindo assim como aconteceu em alguns jogos da serie. Resident Evil pode mudar de estilo e continuar na mesma essência, temos como um grande exemplo a campanha do Leon no Resident Evil 6, a campanha começou com um terror bem leve, com um tensão grande e alguns pequenos sustos e então depois de alguns capítulos, começou a ter ação, mas não foi uma ação tão exagerada quanto a campanha do Chris ou Jake. Se Resident Evil continua nessa mesma essência de RE 6 ou RE: Revelations, a saga ficara muito boa e menos enjoativa.

Conclusão:

Isso não seria uma coisa ruim, e sim inovadora. Afinal, seria chato Resident Evil continuar na mesmice, né?



E ai, oque vocês acham? acham que essa mudança seria boa ou ruim para a saga? Lembrando que isso se trata de uma conversa gamer, e eu quero saber as opiniões de vocês também. Comentem o que acham sobre isso!

O post foi

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...